Portal Escritores

TENHA FÉ E CONFIE NO SENHOR

TENHA FÉ E CONFIE NO SENHOR

 

Autor: Sérgio Moraes (Pilar-AL)

 

Feliz aquele que confia no Senhor, que nos protege e nos defende das forças do mal,

Que nos ampara, nos perdoa e é Misericordioso, porque nosso DEUS é Eterno e Imortal.

 

Nas angustias e dificuldades JESUS é o nosso socorro, que nos ampara e nos protege nas nossas aflições,

Seja qual for o problema ou a dificuldade, ELE sempre nos ajuda a vencermos as tribulações.

 

Problemas e Dificuldades nós temos que enfrentar, mas JESUS nos fortalece para a gente superar.

Com muita Fé, Confiança e a Força da Oração, superamos os problemas com JESUS no coração.

 

Muitos tem problemas de saúde, financeiros e conjugais, mas com fé e paciência a gente alcança vitórias e paz.

Temos que está com CRISTO, em oração todo dia, porque os problemas passam e depois vem a alegria.

 

Tenha Fé nunca desista ! Porque DEUS tem muitas bênçãos e graças para você,

Basta que você buque JESUS para as graças receber.

 

Seja Humilde, Perdoe, tenha Fé e Paciência, reze para combater o mal, a discórdia e a violência.

Porque a humanidade a cada dia se destancia de DEUS, com vaidades, ambições, estão vivendo como ateus.

 

É preciso que a gente esteja mais perto do Senhor, transmitindo para os outros tudo o que Ele nos ensinou.

Vivendo como irmãos, unidos em oração, para que as Famílias tenham Paz, mais Amor e União.

 

"O QUE É BOM VAMOS ESPALHAR E PARTILHAR E TUDO O QUE FOR RUIM PARA SEMPRE VAMOS DELETAR"

 

Sérgio Moraes

Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
Sérgio Moraes
Escrito por:
Sérgio Moraes
Escritor

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 12 de Fevereiro de 2011

Já foi visto 1,787 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Poesias


1,772
Leram
0
Vão ler

Textos do Mesmo Autor
O MASSACRE DOS INOCENTES

Por Sérgio Moraes

DEUS CONHECE OS CORAÇÕES

Por Sérgio Moraes

FONTE INESGOTÁVEL

Por Sérgio Moraes

MULHERES QUERIDAS

Por Sérgio Moraes

NATAL: O Fictício e o Real

Por Sérgio Moraes