Portal Escritores

LIDERANÇA: Poder ou Autoridade?

Uma das grandes mazelas do serviço público é um chefe com postura de poderoso. Ele se compraz com o cargo que ocupa e vislumbra-se com a sensação de poder. Anda impecavelmente vestido, e todos têm que chamá-lo de doutor. O curioso é que esses pequenos poderosos são, geralmente, arrogantes com os seus subordinados, porém extremamente subservientes com os seus superiores.

Certa vez, conheci um servidor chamado Sérgio, um homem maduro, extremamente educado e comprometido com as suas demandas. Todos o respeitavam, tendo em vista o seu bom caráter e reputação ilibada. Incrível é que um chefe poderoso não se agrada com esse tipo de colaborador. Eles preferem lidar com os “bajuladores”, com os que temem as suas ameaças e os que lhe devem algum tipo de favor, mesmo que improdutivos.

A verdade é que todo chefe que se reveste exclusivamente do poder é de pouca inteligência e procura cercar-se de pessoas mais incompetentes do que ele, para garantir o destaque.

Por ocasião da visita do diretor, Jamil, um notável coordenador com pose de chefe, acompanhou-o numa rápida supervisão nos setores da corporação. Ele estava visivelmente deslumbrado com a missão de acompanhar aquela autoridade, juntamente com sua comitiva. Seguiram caminhando por todos os setores da instituição, até chegar à sala de Sérgio. Pensando ser o momento de oferecer ao diretor uma pequena demonstração de autoridade, fez-lhe uma cobrança com tom de autoridade, misturada com um toque de ironia. O Sérgio, por sua vez, revestido da calma e educação, que tão bem o caracterizavam, como se ignorasse a presença do diretor, disse: O senhor faça-me o favor de não me encher o saco. Em seguida, retornou às suas atividades. Alguns dias depois, o tal chefe voltou a ser subordinado.

Quando me referi à época em que liderava a turma de administração financeira, lembrei que os colegas com quem tive a honra de trabalhar desenvolviam as suas funções a contento, conheciam as suas responsabilidades e produziam os retornos que muito dignificavam a instituição. Os auditores dos órgãos de controle sempre nos elogiavam pela lisura dos nossos documentos e transparência dos nossos procedimentos. Todavia, devido ao entrosamento entre as personagens daquela equipe, vez por outra, alguém parava o trabalho para contar alguma história engraçada, enquanto os demais riam escandalosamente. A algazarra não prejudicava o andamento serviço, mas escandalizava uma pessoa influente que, por não possuir o mesmo senso de humor, sempre questionava a nossa seriedade perante a diretoria.

Nunca precisei pedir a um colega que permanecesse além do expediente nos períodos de sobrecarga. Certa vez, estávamos tão envolvidos com um grande volume de trabalho a ser entregue no dia seguinte, que só largamos quando concluímos e encaminhamos os relatórios. Trabalhamos a noite toda e somente paramos no início do expediente do dia seguinte. O único servidor que não participou da noitada, nós o deixamos tomando conta do setor, e todos fomos para as nossas casas dormir. O nosso trabalho noturno não foi visível a ninguém, tampouco o trabalho de uma semana ser concluído em vinte e quatro horas seguidas. No entanto, percebendo o vazio do nosso setor, a referida personalidade, mais uma vez, alegou que a nossa equipe era uma bagunça e que eu seria um chefe sem autoridade.

Obrigar um servidor a cumprir horário e não permitir pequenas ausências do local de trabalho é fácil. Obrigar uma pessoa a permanecer no seu local de trabalho e controlar até as suas idas ao banheiro também é possível a qualquer chefe revestido de poder, mas, levar as pessoas a trabalharem entusiasticamente fora do seu horário legal é preciso ser muito mais que um chefe: é preciso ser líder.

 

LIDERANÇA é a habilidade de influenciar pessoas para trabalharem entusiasticamente visando a atingir os objetivos identificados com sendo para o bem comum. (James C. Hunter)

PODER é a faculdade de forçar ou coagir alguém a fazer sua vontade, por causa de sua posição ou força, mesmo que a pessoa preferisse não o fazer. (James C. Hunter)

AUTORIDADE é a habilidade de levar as pessoas a fazerem de boa vontade o que você quer por causa de sua influência pessoal. (James C. Hunter)

Poder é prerrogativa designada a uma pessoa, independente da sua capacidade. No serviço público, ele é outorgado em função de um documento chamado “portaria” que, após publicada no Diário Oficial, um indivíduo deixa de ser um funcionário comum para revestir-se de poder. Autoridade, por sua vez, é constituída do reconhecimento do grupo em função da sua inteligência, competência e habilidades. Quando a instituição consegue agregar o poder ao portador de autoridade, o serviço dignifica-se, as pessoas crescem e todos trabalham satisfatoriamente. Na minha carreira profissional, vi isso acontecer pouquíssimas vezes.

O líder é aquele que consegue resolver quase todos os problemas com autoridade, mas, vez por outra, ele necessita do instrumento legal de poder, para pacificar alguns conflitos corporativos quando, principalmente, relacionado a um mau servidor.

Enfim, o poder é efêmero, mas a autoridade perpetua-se na pessoa do líder. O líder encerra a sua carreira e deixa um legado de amigos que jamais o esquecerão. O poderoso sequer consegue retornar para matar a saudade do seu antigo ambiente de trabalho, porque não deixou amigos que deseje vê-lo outra vez. Esse legado não se constrói nos últimos momentos de uma carreira. Eles são constituídos pelos créditos que acumulamos na alma das pessoas ao longo do tempo.

 

Se você gostou do texto, o livro "SERVIÇO PÚBLICO - Carreira ou Estagnação", encontra disponível nos seguintes locais:

 

Em Maceió: Revistaria Porto Seguro - Praça do Centenário; e Bancas de revistas da Rua do Comério, Rua do Livramento, Orla de Pajuçara e Porta Verde; e, www.lojaviena.com.br

 






Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
Edson de Carvalho Silva
Escrito por:
Edson de Carvalho Silva
Escritor

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 31 de Maio de 2012

Atualizado em 07 de Junho de 2012

Já foi visto 1,030 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Mensagens Reflexiva


1,018
Leram
0
Vão ler

Textos do Mesmo Autor