Tema Acessibilidade

Nada é para sempre

• Atualizado

Amar o amor de sentir;

Seu corpo colado ao meu;

Amar disparadamente;

Como as batidas do seu coração;

 

Quando estais com medo;

Senti-se como se estive-se no seu corpo;

Viver como tu viveste;

Amar como tu me amaste;

 

Viver a inlusão que tu vivestes ao mim encontrar;

Pensando que era para sempre;

Mas o "pra sempre, sempre acaba".

 

 

Attachment Image
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao user original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
0
956 visualizações •
Atualizado em
Denuncie conteúdo abusivo
Isac Barbosa ESCRITO POR Isac Barbosa Escritor
Limoeiro de Anadia - AL

Membro desde Outubro de 2011

Comentários