Portal Escritores

A RUA E O TEMPO

Autor: SÉRGIO MORAES

 

 

Assim como o Tempo passa, vejo também muitas coisa na Rua passar,

Vejo o povo no dia a dia, passando pra lá e pra cá.

Passam carros, passa gente, idosos, jovens e crianças,

Passa gente desanimada e gente que não perde a esperança.

 

Passa o dia, passa a noite e também a madrugada,

Mais um novo dia amanhece, pra gente seguir a jornada.

Passa a chuva e o frio, passam os dias de calor,

Na Rua passa de tudo, até o tempo passou.

 

O Tempo passa na rua, passa pra gente também,

Passa tudo a nossa frente, num intenso vai e vem.

Na Rua passa de tudo, passa tristeza e alegria,

Vejo passar o povo nos blocos, pulando com euforia,

Vi tristeza nos enterros, passando em outros dias.

 

Na Rua onde moro, vejo passar uma multidão,

Na Festa da Padroeira, acompanhando a procissão,

Na mesma Rua vejo passar, o frevo e animação,

Tudo passa em nossa Rua, é só prestar atenção.

 

O Tempo passa na Rua e na Rua passa o Tempo,

Tudo isso vai passando, assim como passa o vento,

A nossa vida é assim, é vivida de momentos,

O que passou na Rua e no Tempo, ficam em nossos pensamentos.

 

Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
Sérgio Moraes
Escrito por:
Sérgio Moraes
Escritor

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 12 de Fevereiro de 2014

Já foi visto 1,134 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Poesias


1,075
Leram
0
Vão ler

Tags

Textos Relacionados
Perigosa perda de tempo.

Por Rodrigo silva

PENSO

Por Emerson Kennedy

Tentáculos do tempo

Por CATARINA

Textos do Mesmo Autor
CHEGOU MAIS UMA PRIMAVERA

Por Sérgio Moraes

VAI MEU BRASIL

Por Sérgio Moraes

DEUS MAIÚSCULO

Por Sérgio Moraes

SATISFAÇÃO

Por Sérgio Moraes