Portal Escritores

Da dor do não


AS FLORES

CHORAM A SORTE DE UM AMOR PERDIDO

AS MÃOS DANÇAM AO VENTO

NUM ACENO

OS OLHOS ESCONDEM MOLHADOS

O NÃO

COMO DEFINIÇÃO DE DOR.

 

 

 

Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
andre mauricio pereira
Escrito por:
andre mauricio pereira
Escritor

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 09 de Setembro de 2014

Já foi visto 536 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Poesias


529
Leram
0
Vão ler

Tags

Textos Relacionados
DORES

Por Emerson Kennedy

O INSTANTE

Por Erisvaldo Vieira

Vivendo à partir da razão

Por Antoniele Santos

Dor

Por Nathália Amanda

DISCOVERED FLOWERS

Por Andre Pinto

Textos do Mesmo Autor
Sobre a morte

Por andre mauricio pereira

O AÇO TORNADO DEUS

Por andre mauricio pereira

Me, Comigo!

Por andre mauricio pereira

DIA DE EXPEDIENTE

Por andre mauricio pereira