Tema Acessibilidade

Olha Meu Bem

Olha meu bem, 
Hoje eu acordei
Querendo saber mais
 sobre você meu bem

Seus olhos azuis me fazem sonhar com o céu
E poder te amar, sem ter medo do ar 
que eu respiro, tranquilo...
E nesse luar só faltou você, meu bem.
Te quero, Tranquilo, estou mentindo

Pois sou mais ansioso do que
 as nuvens que roubam o brilho
 de minhas estrelas. Sorrindo,
Eu te peço que voltes logo, 
com os seus artifícios, distintos

Eu sempre soube que você
não se chamava Esperança,
Te amei desde o inicio
 Ignorando os Princípios, da natureza... Humana.
Menina, você já foi mais mulher... (eu  sei)
Não me deixe dando chá de colher, Te espero, calado

Olha meu bem,
hoje eu acordei,
Querendo saber mais
Sobre você meu bem

Já amei tantas Marias,
Já escrevi tantas cantigas,
Não acho uma razão,
para te amar, senão
Estou mentindo, que pena, 
não faz sentido

Te quero tanto, 
Que já não sei dizer
 O que falta em você
Meu bem, amado. Desisto

Dizer que te amo, 
já não faz mais sentido,
sem ter você comigo, me ouvindo.
Estou saindo, sozinho... Desde o inicio

                      - LDP.

Visite nosso site:
http://www.palavrasfamintas.com.br/

Copyright © 2014. Todos os direitos reservados ao autor. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
0
1,1 K visualizações •
Denuncie conteúdo abusivo
Luangelys De Paula ESCRITO POR Luangelys De Paula Escritor
Maceió - AL

Membro desde Outubro de 2014

Comentários