Portal Escritores

Hell

Hell

 

 

Hoje ao meio-dia

exatamente às 12 badaladas

senti saudades do inferno de Dante.

Olhei para o céu, enquanto

de meu rosto escorriam gotas de suor.

A comédia é tão Divina quanto o autor.

Os dias aqui nos queimam mais

que os castigos infernais.

 

Mestre Virgílio! Onde estás que não nos socorre?

 

Dante! Dante!

 

Escrevei a Divina Decadência Humana

Somos todos idiotas

Aqui, presos, nesse inferno de meio-dia.

 

 

Penélope SS

22-1-15  23h:42

 

 

Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
AdrianoRockSilva
Escrito por:
AdrianoRockSilva
Autor

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 24 de Janeiro de 2015

Já foi visto 479 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Poesias


476
Leram
0
Vão ler

Tags

Textos Relacionados
Gaiolas

Por Virgínia Tavares

Não te admito!

Por CATARINA

Meu Amigo Beija-Flor

Por Claudenor de Albuquerque

Tropeço inesperado

Por AdrianoRockSilva

Odeio gostar de você

Por AdrianoRockSilva

Textos do Mesmo Autor
p o e t a torto

Por AdrianoRockSilva

pensar o mundo

Por AdrianoRockSilva

minha fome

Por AdrianoRockSilva

Tudo que há é Deus

Por AdrianoRockSilva

As lágrimas

Por AdrianoRockSilva