Portal Escritores

AMIGO INFIEL


 Porque companheiro, amigo irmão,

 Usas perfidamente comigo, magoando o meu coração?

 Porque querido amigo se levantas contra mim?

 Porque procedes desse jeito agindo assim?

 Se diante de nosso Deus, isto não é bom,

 Isto é muito mal, isto é muito ruim.

Tu meu amado irmão, que pregas a paz, o amor e a verdade

 E usas com teu próximo com falsidade.

Ah, meu querido, se Deus é fiel,

Onde na eternidade será teu céu?

Se estás em uma conversa, falas de sinceridade,

Mas no mesmo momento que chega outra pessoa ao teu lado,

Passas a usar comigo de falsidade,

Pensas tu que não vejo, e que não percebo.

Pobre hipócrita, engano teu!

 Como és falso, como és iníquo,

Quando falas comigo finges atenção, mas piscas os olhos,

 Faz sinais com os pés e acenas com as mãos;

 Aí está o segredo meu amigo, que triste ação...

 É porque na verdade há perversidade no seu coração.

  Amigo covarde, falso e traiçoeiro, desleal e infiel,

 Te arrependas, sejas um homem íntegro e fiel.

 Mude esta prática, o modo de agir, e o seu modo de falar.

 Seu sorriso, suas palavras são amargas como fel.

Amigo amado, ainda há tempo de buscares o céu.

 Deus meu Deus, meu amado Pai,

 Meu verdadeiro Deus e Senhor,

 Cuida de mim, com este teu sublime e excelso amor.

Que sobre mim não se rejubilem,

 Aqueles, que traíram a minha amizade,

Nem permitas que esses inimigos gratuitos

Troquem olhares de escárnios,

E que nunca, mas nunca mesmo meu Pai,

Eles triunfem sobre mim.

Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
Antonio Batista
Escrito por:
Antonio Batista
Autor

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 19 de Janeiro de 2018

Já foi visto 375 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Prosa Poética


375
Leram
0
Vão ler

Tags

Textos Relacionados
Registrando Detalhes

Por Iara P.Vilela

Era Sol Que Me Faltava

Por Cicero Domingos

tempo de gelo

Por Kamilla Rosa Chaves

Estou mais seguro

Por Ataniel

Uma Única Palavra

Por Paulo Roch'S

Textos do Mesmo Autor
O AMOR É VIVER

Por Antonio Batista

Pensando sobre o amor

Por Antonio Batista

DOCES RECORDAÇÕES

Por Antonio Batista

REMORSO DE UM FILHO

Por Antonio Batista

POXIM MEU PORTO SEGURO

Por Antonio Batista