BAÚ DO PILAR

Sérgio Moraes Sérgio Moraes 19 de Março de 2018
19 de Março de 2018

 

AUTOR: Sérgio Moraes (Pilar-AL)

 

Não tenho máquina do tempo, mas costumo viajar,
Viajar para o passado, para outras épocas recordar,
Vou a décadas diferentes, pra falar do meu Pilar.

Tem uma frase que diz: quem vive de passado é museu,
Se alguém disser isso a você, diga que esse museu sou eu,
Porque todos nós temos passado, só não tem quem não nasceu.

O passado é importantíssimo, para construir nossa história,
Se alguém não escrevesse sobre Jesus, não saberíamos dele agora.
Pois mergulhar no passado, é exercitar a memória.

O passado do Pilar, está nas fotos, livros e relatos,
Para que cada geração, saiba de tudo de fato,
E cada um de nós, façamos um álbum de retratos.

São 146 anos de Emancipação e mais de 400 de história,
Desde a colonização do Brasil, até os tempos de agora,
Relato aqui para vocês, toda essa trajetória.

Em 1872, houve a Emancipação,
Mas bem antes dessa Emancipação, quero aqui bem lembrar,
Que Gabriel Soares da Cunha, foi o precussor do lugar.

Nos idos de 1600, das terras do Pilar foi Donatário,
Depois Matheus Casado e Alarcão Ayala, foram os proprietários,
Engenhos, Vila de Pescadores, de um povo bom e solidário.

De século em século, a história do Pilar foi construída,
Tivemos fases boas e ruins, assim como vivemos na vida,
Mas as fases boas são superiores, desta terra boa e querida.

Índios, Portugueses, Espanhóis, Donos de Engenhos e Pescadores,
Deles não podemos esquecer, foram nossos antecessores,
Da história do nosso Pilar, eles foram os construtores.

É por isso que viajo no tempo, para lembra do Pilar e nossa gente,
Agradecendo a DEUS por este paraíso, que ele nos deu de presente,
Parabéns Pilar das Alagoas, te amamos eternamente.

 

Denuncie conteúdo abusivo
Sérgio Moraes ESCRITO POR Sérgio Moraes Escritor
Pilar - AL

Membro desde Agosto de 2010

Comentários