Portal Escritores

A PRODUÇÃO DO PETRÓLEO E DO ÁLCOOL DA CIDADE DE SÃO MIGUEL DOS CAMPOS.

A PRODUÇÃO DO PETRÓLEO E DO ÁLCOOL DA CIDADE DE SÃO MIGUEL DOS CAMPOS.

Se for possível existir uma convivência pacífica entre duas atividades econômicas aparentemente antagônicas, a agricultura e a produção do petróleo, ela acontece aqui no município de São Miguel dos Campos, Alagoas, duplamente férteI, a terra do município produz dois tipos de combustíveis na superfície, com grandes extensões de
canaviais que ocupam o horizonte, onde cultiva-se a cana de açúcar que vai gerar o álcool.
No meio dos canaviais a unidade de bombeamento conhecida como cavalo-de-pau, que serve para extrair o petróleo do subsolo, numa operação totalmente automática.
A primeira impressão é de que o sol faz crescer a cana e simultaneamente, jorrar o petróleo, tal a composição entre as duas firmas de exploração da natureza.
Nas terras dos Caetés, se depender do gás, não vai faltar energia, o município de São Miguel dos Campos concentra uma das maiores reservas de gás natural do estado de Alagoas.
Atualmente o maior volume de gás segue em gasoduto para o estado de Sergipe e depois para a refinaria Landulpho Alves na Bahia.
O petróleo foi descoberto em São Miguel dos Campos, no dia, 17 de setembro de 1957, na periferia do distrito de Jequiá da Praia, no subsolo da Fazenda Pecó, na proximidade da Lagoa Azeda, no povoado do mesmo nome, terras pertencentes ao município de São Miguel dos Campos, na época.
Neste dia marcou um momento de muita alegria tanto para o distrito de Jequiá da Praia como também para a cidade de São Miguel dos Campos. Foi um dia de regozijo para os alagoanos, pois, o município de São Miguel dos Campos teve o privilégio de ser o primeiro município do estado de Alagoas, a jorrar o fabuloso ouro negro.
A produção efetiva teve início em 1958, uma das imagens mais bonitas dos campos alagoanos é o poço FPF - 3, no campo da Fazenda Pau-Brasil, em São Miguel dos Campos, no meio dos canaviais, um cavalo- de- pau, um separador de óleo, um tanque de armazenamento e um gasoduto, parecem quebrar a monotonia da paisagem sem, contudo, interferir na harmonia, além disso, a exploração do petróleo situa-se junto aos mananciais de águas importantes, como o Rio São Miguel no campo da Fazenda do Furado.
O município de São Miguel dos Campos é o terceiro maior produtor de gás natural do País, com 10.4 milhões de metros cúbicos.
A capacidade de processamento da unidade de produção é a seguinte, Unidade EPPU, produz, 1.800 metros cúbicos de petróleo bruto por dia e 1.200,000 metros cúbicos de gás natural por dia.
Já a capacidade de processamento da Estação Coletora é de 317 metros cúbicos de petróleo bruto por dia e 920,000 metros cúbicos de gás natural por dia.
No município existe 51 poços perfurados, mas, só sete, são produtores.
Na safra anterior a produção do álcool gerado pelo Grupo Carlos Lyra foi de 196.435 milhões de metros cúbicos ao dia, o grupo é considerado o quatro maior produtor de álcool do País.

( Ernande Bezerra de Moura )














Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login