Portal Escritores

BIOGRAFIA DO PINTOR FERNANDO LOPES

 

José Fernando Lima Lopes, natural da cidade de São Miguel dos Campos, estado de Alagoas, nasceu no destrito de Sebastião Ferreira, em uma das casas da vila do complexo industrial da Companhia de Fiação e Tecidos São Miguel, no dia 24 de novembro de 1934, descendente de imigrante espanhol, o mesmo era filho de Bernardo Lopes Sobrinho e de dona Helena Lima Lopes, formado em Direito, mas nunca exerceu a função, estudou música no Conservatório de Recife, despontou nas artes plásticas Alagoana, por volta de 1959.
Firmou-se no cenário nacional como possuidor de uma consistente e fecunda inventiva. Sua obra impregnada do místico espírito do seu povo identifica os anjos e os santos, a realidade empírica de sua data e do seu ambiente, é um historiador preocupado com o rigor de perspectiva e do volume, representando o mundo através de elementos elegoricos de rara beleza e muita vitalidade plástica, inspirando-se sempre nos antigos casarões de sua terra natal.
Conhecido e respeitado no Brasil como também em outros países, Fernando Lopes foi um dos responsáveis para a fundação da Casa da Cultura justamente com Douglas Apratto( Secretário de Educação e Cultura do Estado na época), Marly Ribeiro(Vereadora do Município), José Barbosa(Articulador de Cultura) e do voluntário Milton Moura, ação que foi concretizada no dia 04 de fevereiro de 1984. Em 2009 foi criado na casa um museu em sua homenagem, que contou com a presença do ilustre miguelense. Em 2010, o museu foi tombado como Patrimônio Histórico e Cultural do Estado de Alagoas.
Durante sua caminhada artística ele teve diversos admiradores, entre eles, Jorge de Lima, Aurélio Buarque de Holanda, Ledo Ivo, Francisco Brennand e o pintor Di Cavalcanti.
Fernando Lopes era um grande admirador e colecionador de artes plásticas, verdadeiro amante do barraco brasileiro, gostava de ouvia constantimente música clássica e erudita principalmente quando estava praticando a sua arte.
Participou de exposições coletivas nas embaixada brasileira, nos seguintes países: França, Itália, Israel e U.S.A. fez parte da Bienal de São Paulo como também representou a cidade de São Miguel dos Campos e Alagoas, em vários estados do país, expôs em Londres em 1970, por três vezes consecutivas com outros artistas da América do Sul.
Seus quadros estão expostos em diversos museus e nas mãos de grandes colecionadores espalhados por todo país, como também no exterior.
O renomado pintor faleceu na cidade Maceió, no dia 12 de junho de 2011, seu corpo está sepultado no cemitério de São Miguel dos Campos.

( Escrito por: Ernande Bezerra de Moura )








Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
Bezerra
Escrito por:
Bezerra
Escritor

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 13 de Abril de 2019

Atualizado em 20 de Junho de 2019

Já foi visto 123 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Biografias


123
Leram
0
Vão ler

Tags