Portal Escritores

TEMPO DE CRIANÇA

 

Durante a noite toda

Raios, relampagos e trovoadas

Iluminam o céu

E em expectativas,

As crianças para o raiar do sol.

 

Pois assim que o sol brilha,

Tinham a certeza que veriam

Um belo espetáculo de ballet,

A apresentação da formigas.

 

No preiodo de reprodução,

Elas dançam no céu

Ruflando suas assas, 

Afim de atrair seus parceiros

Porém atrem bem mais que isso.

 

Os nordestinos,

Que tem um paladar diferente

Que por muitas vezes

São chamados de mortos de fome.

 

Aprendemos com os nossos antepassados,

Costumes que nos identificam

E selam cada um que ali vive,

Pois somos a força da resistência

Somos povos teimosos.

 

Rafael Borges

20/07/2019

Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
Rafael Borges
Escrito por:
Rafael Borges
Escritor

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 20 de Julho de 2019

Atualizado em 20 de Julho de 2019

Já foi visto 84 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Poesias


84
Leram
0
Vão ler

Tags

Textos Relacionados
GEOGRAFIA (Nordeste) - cordel

Por Cristovão Augusto

ALAGOAS 200 ANOS (cordel)

Por Cristovão Augusto

A INTERNET

Por Cristovão Augusto

Textos do Mesmo Autor
DAIXAR IR

Por Rafael Borges

DURA

Por Rafael Borges

REENCONTRO DE MIM

Por Rafael Borges

A MOSQUITO NA NOITE DE SONO

Por Rafael Borges

POVO DE RESISTÊNCIA

Por Rafael Borges