Portal Escritores

ANGÚSTIA E SOLIDÃO

Vou começar este poema

Neste primeiro refrão,

Escrevendo duas palavras,

ANGÚSTIA E SOLIDÃO.

 

São substantivos abstratos

Que mesmo querendo ou não,

Fazem parte da nossa vida,

ANGÚSTIA E SOLIDÃO.

 

Pensando nos sofrimentos

E na real situação,

Sem nunca nos esquecermos

Da ANGÚSTIA E SOLIDÃO.

 

Todos nós em dados momentos,

Passamos pela provação,

Que muitas vezes desagam

Na ANGÚSTIA E SOLIDÃO.

 

O próprio Cristo foi provado

Antes da sua condenação,

Passando pelo deserto

Da ANGÚSTIA E SOLIDÃO.

 

Mesmo que seja voraz

Dainte da desolação,

Ter forças para superar

A ANGÚSTIA E SOLIDÃO.

 

Dentre tantos desafios,

Um deles é a depressão,

Que mata sem piedade

Pela ANGÚSTIA E SOLIDÃO.

 

Sabemos que é difícil.

A barra não é fácil não.

Não se pode entregar-se

A ANGÚSTIA E SOLIDÃO.

 

Viver a vida é sonhar

Com uma nova direção.

Projetar-se, olhar pra frente

Sem ANGÚSTIA E SOLIDÃO.

 

O passado e o presente,

Ambos estão na contramão.

O futuro é o que importa

Sem ANGÚSTIA E SOLIDÃO.

 

Meus caríssimos amigos

Aprendam de vez a lição,

Sigam o caminho do Amor,

Fujam da ANGÚSTIA E SOLIDÃO.

 

 

Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
Nilton Santos
Escrito por:
Nilton Santos
Escritor

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 02 de Setembro de 2019

Já foi visto 30 vezes

Favorito de 1 leitor

Categoria Poesias


31
Leram
0
Vão ler

Tags

Favorito de 1 leitor
Textos Relacionados
Estrada Sem Fim.

Por Victor Cardoso

Dentro de mim

Por Majal-San

Nesse domingo...

Por Cleide Vanderley

EMBRIAGADO

Por Elisabeth Wolbeck

Fingindo sentir

Por glenysson bezerra

Textos do Mesmo Autor
Confissão

Por Nilton Santos

Duas faces

Por Nilton Santos

Cria=ação

Por Nilton Santos

MINHA PELE NEGRA

Por Nilton Santos

Tudo é fugaz

Por Nilton Santos