Tema Acessibilidade

Pensamento Nocivo

 

Durma profundamente

Vítima de suas próprias palavras e pensamentos

Que quando chegar o vento

Teu corpo cairá dormente

 

Moça torta e inconsequente

Espero que morras enquanto dorme

Pois és imperfeita e delinquente

Não pertences à esse lugar

 

E quando a lua chegar

Te levará toda a dor

E quando a porta abrir

 

Irás esquecer-te de ti

De teu rosto, teu vir

De tua alma, de teu andar

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados ao autor. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
0
±500 visualizações •
Denuncie conteúdo abusivo
Antoniele Santos ESCRITO POR Antoniele Santos Escritora
Matriz de Camaragibe - AL

Membro desde Junho de 2019

Comentários