Portal Escritores

Nódoa cruel

 

 

Óleo preto

Petróleo

Preto óleo

Poluição

 

Surge a sujeira sujeitando

indivíduos limpos ou sujos

a reféns do tal descaso

 

Preto óleo

Poluição

Óleo preto

Petróleo

 

Agoniza a Natureza indefesa

nesse golpe irresponsável tão fatal

aos reféns da impureza

 

Petróleo

Óleo preto

Poluição

Preto óleo.

 

 

Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
Majal-San
Escrito por:
Majal-San
Escritor

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 29 de Outubro de 2019

Atualizado em 29 de Outubro de 2019

Já foi visto 55 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Poesias


55
Leram
0
Vão ler

Tags

Textos Relacionados
Tudo e nada

Por Majal-San

O Despertar Para O Mundo

Por Lidiane Santos

Amar tem limites

Por josue firmino

Nossos ecos

Por josue firmino

Textos do Mesmo Autor
Busca minuciosa

Por Majal-San

Nunca Mais

Por Majal-San

Words inside me

Por Majal-San

É tempo

Por Majal-San