Tema Acessibilidade

A HISTÓRIA DO BAIRRO NOSSA SENHORA DE FÁTIMA E DA PRAÇA PADRE CÍCERO, DA CIDADE DE SÃO MIGUEL DOS CAMPOS - AL.

• Atualizado

A Companhia de Habilitação Popular de São Miguel dos Campos – COHAB, foi criada na gestão do Governador do Estado de Alagoas, Antônio Semeão Lamenha Filho e do vice – governador, o miguelense Manuel Sampaio Marques Luz, em 1968.

O terreno foi desapropriado pela prefeitura municipal, na administração do prefeito Humberto Maia Alves.

Antes, esta área, era um Sítio de Mangueira, pertencente ao Sr. Adgar Soares Palmeira, daí o nome "Chã da Manqueira".

A finalidade do governador era de favorecer o acesso à habitação digna à população de menor renda, obedecendo às normas e critérios estabecidos pelo Governo Municipal e pela legislação federal.

Nos idos de setenta, muitos moradores venderam suas casas a terceiros, alegando que não tinham condições financeiras de se manter, pois o custo do transporte era muito alto, tanto para decer como para subir.

Já outros, permaneceram no ambiente e reformaram e ampliaram as suas casas.

A primeira escola a ser construída no loteamento da Chã da Mangueira, foi a Escola Municipal Professora Maria Rosa, ela foi alavancada na gestão do prefeito Júlio Soriano Bomfim, que administrou o município, de 1969 a 1972. A escola foi inaugurada no dia 29 de setembro de 1972.

Quando Humberto Maia Alves foi reeleito prefeito do município, em 1973 a 1976, ele desapropriou outros terrenos adjacentes ao loteamento da Chã da Mangueira e fez a doação dos lotes, para as pessoas carentes da cidade.

Com o aumento do loteamento, por lei, o prefeito Humberto Maia Alves, pôs o nome da região, de Bairro Nossa Senhora de Fátima.

Nossa Senhora de Fátima ou formalmente, Nossa Senhora do Rosário de Fátima, é uma das Invocações Marianas atribuídas à Virgem Maria e que surgiu com base nas aparições recebidas por três pastorinhos no lugar da Cova da Iria, em Fátima – Portugal.

A igreja Nossa Senhora de Fátima foi construída em 1989, pelo monsenhor Hidelbrando Guimarães, com apoio dos fiéis e do prefeito do município, Francisco Hélio Jotobá. "Em 13 de maio 2008, a igreja passou a condição de Paróquia da Cidade Alta e a Santa, a padroeira do barrio".

Também no governo de Francisco Hélio Jotobá, de 1989 a 1992, foram criados, o Centro Social Urbano – CSU e o Clube do Canavieiro, que muito contribuiram para o crescimento e desenvolvimento do bairro, tanto na área cultural como na área social.

Nas duas gestões do prefeito Nivaldo Jatobá, o bairro de Nossa Senhora de Fátima, teve um grande progresso, principalmente na sua extensão, quando foram construídos os loteamentos Hélio Jotobá I e II.

Nesta época, havia no bairro um Campo de Vaquejada, administrado pelos irmãos, Beto e Fernando Sampaio.

Cada prefeito que passaram por São Miguel dos Campos, contribuiram para a intensidade do bairro, foi o caso de Rosiane Santos, com a construção do loteamento Hélio Jotobá III e do prefeito George Clemente com as construções dos loteamentos, Jaci Clemente e o Novo São Miguel.

"Obs: Na Câmara Municipal, Existe um projeto catalogado, para que o loteamento Senador Rui Palmeira, passe a condição de bairro, enquanto o projeto não for aprovado, por lei, ele continuará sendo loteamento, agregado a Cidade Alta".

Na gestão do prefeito Pedro Ricardo Jatobá, o bairro foi benificiado com várias obras, onde foram construídos diversos aquipamentos derecionados a comunidade local.

O bairro Nossa Senhora de Fátima tornou-se num grande centro comercial, onde são encontrados, Farmácias, Lojas de Construções, Lojas de Roupas e Calçados, Lojas de Peças para Motos e Automóveis, Oficinas Mecânicas, Academias de Ginásticas, Restaurantes, Bares, Pousadas, Balneários, Motéis, Supermercados, etc.

O bairro ainda conta com diversos equipamentos: Escolas Municipais, Escolas Particulares, Postos de Saúde, Clubes Recreativos, Praças de lazer, Ginásios de Esporte, Igrejas Católicas, Igrejas Avangélicas, Casas de Axés e muito mais...

Além de um Estádio de Futebol (O Ferreirão), uma Faculdade (A UNEAL), um Instituto Federal (O IFAL), uma Unidade de Atendimento (A UPA), uma Associação de Moradores do Bairro, uma Biblioteca (A do SESI), uma Escola Estadual Professora Edleuza Oliveira da Silva, um Departamento do Corpo de Bombeiro Militar e uma Companhia da Polícia Militar.

Hoje o bairro Nossa Senhora de Fátima é a referência do município de São Miguel dos Campos.

É bem iluminado, pavimentado e urbanizado.

• A Praça Cristo Rei, foi construída desde a fundação do Conjunto da COHAB, em 1968, pelo prefeito Humberto Maia Alves, que governou o município de São Miguel dos Campos, de 1965 a 1968.

Quatro anos depois, foi construído na proximidade da praça, a primeira escola do Conjunto COHAB (Chã da Mangueira), denominada de Escola Municipal Professora Maria Rosa, que foi inaugurada, no dia 29 de setembro de 1972, na gestão do prefeito Júlio Soriano Bomfim.

Na segunda gestão do prefeito Humberto Maia Alves, de 1973 a 1976, a praça ganhou um novo visual, nela foi posta, a estátua do Padre Cícero Romão Batista, o Santo do Juazeiro.

A estátua foi trazida de Maceió, pelo Secretário de Administração do município, João Tadeu Figueredo Alves, em 1973, a partir dessa data, a praça passou a ser chamada de " Praça Padre Cícero".

Cícero Romão Batista foi um sacerdote católico brasileiro. Na devoção popular, é considerado como Padre Cícero ou Padim Ciço. Carismático, obteve grande prestígio e influência sobre a vida social, política e religiosa do Ceará, bem como do Nordeste. Em 1977, foi canonizado pela Igreja Católica Apostólica Brasileira. Padre Cícero nasceu na cidade do Crato, estado do Ceará, no dia 24 de março de 1844 e faleceu na cidade de Juazeiro do Norte – Ceará, no dia 20 de Julho de 1934.

A sua grande reforma aconteceu na administração do prefeito Francisco Hélio Jotobá, que geriu o município de 1989 a 1992.

Quando a praça ganhou uma nova estrutura, foi alavancado, de frente para via principal, dois canteiros na entrada da praça, em alto astral, além de bancos de alvenarias e postes de luminárias global, também foram plantados diversos tipos de árvores.

A praça passou a ser, o ponto de encontro dos estudantes do Maria Rosa como também da comunidade em geral.

Ela também é um dos pontos de referências, de ida e de volta, dos ônibus e das vans para a cidade baixa.

A sua última reforma aconteceu no governo de Pedro Ricardo Jatobá, que gorvenou o município de 2017 a 2020, quando foram acrescentados na praça, os seguintes aquipamentos: Dois quiosques de lanches, play gloude, postes com luminárias LED e um espaço (Mandala) para eventos culturais, como por exemplo: A capoeira.

A praça Padre Cícero Romão Batista é consederada um dos cartões postais do município.

Aqui também no bairro, todos os anos, comemora-se o dia do nascimento e da morte do Santo Padre, onde é rezada uma missa de ação de graças, na Igreja Nossa Senhora de Fátima, pelo Padre Thiago Barbosa, e logo após a missa, é realizada a sua festa, com benditos e novenas.

O bairro Nossa Senhora de Fátima, hoje é uma das maiores concentraçães de romeiros do município, todos os anos, eles viajam para Juazeiro do Norte, para participarem das peregrinações alusivas ao Santo Padre.

Os ônibus são cedidos pela prefeitura municipal. Antes, eles viajavam de caminhões alugados, em forma de compativismo, os caminhões eram chamados de, Paus – de - Arara.

O Padre Cícero Romão Batista, com certeza é o grande protetor dos moradores e dos cristãos desse lugar.

( Texto Escrito Por Ernande Bezerra de Moura )

Copyright © 2021. Todos os direitos reservados ao autor. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
0
±500 visualizações •
Atualizado em
Denuncie conteúdo abusivo
Ernande Bezerra ESCRITO POR Ernande Bezerra Escritor
São Miguel dos Campos - AL

Membro desde Junho de 2011

Comentários