Tema Acessibilidade

O Professor se Vingava do Aluo

O atual sistema avaliativo na Educação, ainda que não seja ideal, já mudou muito em comparação com o teor punitivo que as "provas" representavam no universo do educando, antigamente. A grande mudança positiva foi a introdução da recuperação, pois ela dá ao estudante uma ou várias oportunidades de complementar suas notas com os chamados trabalhos e tarefas. No passado, a escola só dava pontos aos alunos quando eles participavam, por exemplo, da "parada de 7 de setembro", e esses pontos eram tratados como uma barganha, não havia ludicidade. Além disso, usava-se um método antipedagógico, porque os pontos eram "dados" como se o professor fizesse uma caridade ao aluno e não como um merecimento pela participação dele em atividades interessantes em sala de aula. Havia seletividade: quem participava, ganhava os pontos; quem não participava não ganhava os pontos, e a escola não oferecia atividades pedagógicas alternativas para os alunos que não desejassem participar da "parada" tivessem a chance de ganhar os mesmos pontos. Tratava-se, portanto, de um critério severo e punitivo. A escola tinha um aspecto muito autoritário, seletivo e ainda bastante impregnado pela pedagogia jesuítica tradicional. As provas eram mensais, entremeadas com arguições semanais que valiam pontos e que expunham os estudantes a vexames. Muitos professores ameaçavam os alunos ditos "bagunceiros" com a seguinte frase: "Eu vou te pegar na prova". Enfim, era comum o professor se vingar do aluno "bagunceiro" com uma prova propositalmente difícil ou até mesmo com conteúdo cheio de armadilhas, tendo por objetivo único dificultar o desempenho do estudante, sendo este um dos fatores que causaram, durante décadas, a evasão escolar. Mesmo na década de 60 havia uma grande evasão escolar por conta do desempenho dos professores em sala de aula e pelo que se entendia como escola e sistema de ensino. Continue lendo...

Attachment Image
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
0
±500 visualizações •
Denuncie conteúdo abusivo
Jean Clark ESCRITO POR Jean Clark Escritores
-

Membro desde Maio de 2021

Comentários