Portal Escritores

Estou Mudo não posso Falar

 

 

 Permaneço calado,

Mudo, Sem Liberdade de Falar.

Pois já tenho medo de dizer,

Eu prefiro me calar.

Apenas observo tudo que passa,

As misérias que tomam conta por todo que é lugar,

Mas fico parado, só olhando,

Estou mudo, não posso falar,

A minha frente noto o perigo,

Mais além, criança que choram

Ali deitados, mendigos com fome,

Quero falar mais a minha boca pára.

Meus olhos fecham,

O coração não consegue pulsar,

Tudo se tranca,

Não posso falar.

 

 

Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
Ernande Bezerra
Escrito por:
Ernande Bezerra
Escritor

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 12 de Setembro de 2011

Atualizado em 13 de Setembro de 2011

Já foi visto 819 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Poesias


815
Leram
0
Vão ler