Tema Acessibilidade

O poeta não morrerá

• Atualizado

A arte exposta em papel
Poesia, romance ou cordel
Quem assim se expressa é artista
E frente á sua vista
O mundo parece lindo
Consegue enxergar no pranto
Um rosto brando sorrindo

Sua alma canta
A melodia é seu pensamento
E sua mão dança, tremendo
Sobre o caderno a riscar
Qualquer coisa pra alguém ler
Que poderá não entender
Mas de certo irá gostar

A presença do poeta
Está em cada verso que escreve
Mesmo a sua existência
Sendo um tanto quanto breve
Pois um dia irá partir
Sua imagem irá sumir
Porém a mensagem viverá
Pois pode o cantor perder o tom
O violão o seu som
O poeta não morrerá.

Attachment Image
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
1
1,2 K visualizações •
Atualizado em
Denuncie conteúdo abusivo
Josivaldo Teixeira ESCRITO POR Josivaldo Teixeira Escritor
Maceió - AL

Membro desde Julho de 2015

Comentários


Outros textos de Josivaldo Teixeira