Portal Escritores

Bendito Amor

O Amor saiu de casa mas não houve queixa na Delegacia, ninguém notou! Uma chama nociva aproveitou-se da sua ausência e acomodou-se onde bem quis. Sendo mera desconhecida na casa ninguém se importou. Ficou exposta ao vento, cresceu feito fogaréu em pé de morro, ardeu desregulada e enfurecida e, feito labaredas infernais arrasadoras, ameaçou vidas. Já não era mais possível ignorá-la. Haveria de ter um fim. E teve! Mas só com a volta do todo poderoso Amor. 

Amor, Bendito Amor, seja bem vindo, de volta. Apague esta chama malévola e não ameaces partir de novo, nunca mais!

 

Dilucas

Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
Dilucas
Escrito por:
Dilucas
Autora

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 20 de Janeiro de 2018

Atualizado em 10 de Junho de 2018

Já foi visto 271 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Contos


272
Leram
0
Vão ler

Tags

Textos Relacionados
Autoestima

Por Dilucas

Virgindade

Por Dilucas

A Mentira

Por Dilucas

Textos do Mesmo Autor
Sexta-feira 13

Por Dilucas

Ela se foi de vez

Por Dilucas

Batman

Por Dilucas

Inaudito

Por Dilucas