Tema Acessibilidade

SEIS SONETOS PARA O DIA DAS MÃES

• Atualizado

A imagem pode conter: 2 pessoas, incluindo Maria Gentil, pessoas em pé e óculos

O AMOR DE MÃE


Somente o amor de mãe é comparado
Ao grande amor de Deus, entre os mortais;
Nenhum outro amor humano é capaz
De lembrar grande amor, imensurado!

Pois somente o amor de mãe é apurado
Co’os mais belos sentimentos divinais;
Quis Deus nos sentimentos maternais
Transluzir seu amor, humanizado.

Ah! o amor de uma mãe é coisa santa!
Mesmo sofrendo, com dor, ela canta
Para fazer dormir o seu filhinho!...

Sempre pronta pra se sacrificar,
Não poupar a sua vida por amar,
Pra ver o seu filho num bom caminho.


MAIOR PRESENTE PARA O DIA DAS MÃES

Quem me dera neste dia eu pudesse
Presentear com o melhor do mundo
A minha mãe que com amor fecundo
Ainda hoje minha vida enriquece.

Ajoelha, fazendo uma prece,
Rogando a Deus que, por amor profundo,
Guarde os seus filhos, a cada segundo,
Da violência que a cada dia cresce.

Mãe de verdade ela nunca se esquece
De amar seus filhos, por isso merece
Sempre receber o melhor presente.

Sempre amorosa, sempre vigilante,
Nossa mãe merece, por todo instante,
Nossa gratidão, nosso amor pra sempre!...


MÃE, ANJO DIVINO

Mãe é pra ser tratada com todo carinho,
Com toda doçura, com completa atenção;
Mãe é dádiva dos céus, é flor sem espinho,
É amor sem medida dentro do coração!

Mãe é consolo divino, é compreensão,
É conselho pro bem, pro seguro caminho;
Mãe é lágrima chorada, numa oração,
Intercedendo a Deus por seu pobre filhinho!

Mãe é um anjo na terra, ela é um anjo sem asa,
É um anjo de Deus, morando dentro de casa!
Cuidando de todos, co’alegria incontida...

Por isso que mãe, de verdade, é para sempre!
Pois mesmo quando parte ela fica presente,
Nas nossas lembranças... — na saudade sem fim!


MÃE DE VERDADE

Mãe de verdade amamenta sem dor,
Sem se queixar, o filhinho querido;
A noite de sono, sem alarido,
Perde por ele, num ato de amor.

Mãe de verdade ela pede ao Senhor
Pra cuidar do filho, a cada segundo;
Dando carinho, seu amor profundo,
Pra que ele cresça com todo vigor.

Mãe de verdade jamais acha um peso
Ajudar seu filho a viver ileso
Neste mundo mal, que temor nos põe...

Só quem trata sem zelo, amor, capricho,
Quem pega seu filho e joga no lixo,
Nunca saberá o que é ser uma mãe!
 
 

MÃE DE VERDADE NÃO FOGE DA GUERRA

 

Mãe de verdade não entra de férias,

Não deixa seu filho a esmo na rua,

Com amor e com zelo cuida da sua

Cria — sangue do sangue de suas artérias.

 

Mãe de verdade ela enfrenta as misérias

Pra que seu filho também usufrua

De pão, saúde, na vida tão crua,

E de educação, em meio às pilhérias.

 

Mãe de verdade motiva seu filho

Temer ao Senhor, a seguir o trilho

Do caminho de Cristo, aqui na terra.

 

Tem fé e esperança, na sua bagagem,

Tem amor, tem garra, muita coragem!

Mãe de verdade não foge da guerra!

 


DIA DAS MÃES SEM BEIJO E ABRAÇO

Já estou a pensar o que é que eu faço
neste momento de gran pandemia
pra comemorar, co'a mesma alegria,
o Dia das Mães sem beijo, sem abraço.

Presente nenhum, com fita, com laço,
mais belo que seja, entregue no Dia,
a mesma emoção jamais causaria
que um beijo fraterno, que um forte abraço.

Mas neste instante guardar-se é melhor,
manter-se afastado é prova de amor,
sem beijo e abraço é mais acertado...

Receba minha mãe meu terno carinho,
com meu presente, sinta-me juntinho,
dando-lhe um beijo e um abraço apertado!

Autor: Antonio Costta
Attachment Image
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao user original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
0
318 visualizações •
Atualizado em
Denuncie conteúdo abusivo
Antonio Costta ESCRITO POR Antonio Costta Escritor
Itabaiana - PB

Membro desde Maio de 2016

Comentários