Portal Escritores

Decifrar-te? Atrever-me-não-irei

Decifrar-te? Atrever-me-não-irei

 

A ti, enigmático ser

 

 

Serão teus dentes ou tua face?

Será teu cabelo ou teu sorriso?

Será teu gênio indomável e livre ou teu recôndito coração?

Será tua força verbal ou tua imagem a balançar suavemente nos campos?

Serão tuas tranças ou tua franja inquieta?

Serão teus gritos rebeldes ou tua suavidade com as flores?

Serão tuas marcas das mais vividas e

intensas batalhas ou teu poder de renovação como a Fênix frondosa?

 

Decifrar-te é por demais tarefa injusta

Decifrar-te é missão dos deuses

Uma vez que de minha parte apenas os (deuses) agradeço por ceder-nos tão rara joia e radioso ser.

 

 

Penélope SS

03-11-14   01h:10

Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
AdrianoRockSilva
Escrito por:
AdrianoRockSilva
Autor

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 17 de Janeiro de 2015

Já foi visto 422 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Poesias


414
Leram
0
Vão ler

Tags

Textos do Mesmo Autor
Na tarde, descanso

Por AdrianoRockSilva

a bola

Por AdrianoRockSilva

explicação

Por AdrianoRockSilva

Saudade na noite

Por AdrianoRockSilva

A força das tuas palavras

Por AdrianoRockSilva