Portal Escritores

A DÚVIDA


 

Dúvida! Dúvida! Dúvida!

Dúvida cruel? Jogas-me como um papel?

Da esquerda para a direita como se para um rapel?

Dúvida cruel? Ou não?

Por que buscar respostas? Onde elas estão?

Será que se encontrarão?

 

Dúvida! Não é melhor seguir em frente?

É uma dúvida gigante que toma da gente?

Chega-se a algum lugar?

É melhor caminhar ou Parar?

Se fechar os olhos, vai adormecer?

Amanhã como será?

 

Dúvida! Sigo em frente ou volto atrás?

Vou para direita ou para a esquerda?

Ainda se encontra o centro?

A esquerda não existe mais?

Boas respostas eu encontraria?

Ou eu não acordaria mais?

 

Dúvida! Questiono porque existo?

Será que existe dúvida ou não é isto?

Não sou louca?

Também não sou sã?

Sou poetisa. Eu existo. É isto!

Ana Gomes, 10/02/2020

Comentários

Deixe seu comentário

Para enviar um comentário você precisa estar logado: login
Ana Gomes
Escrito por:
Ana Gomes
Escritora

Visão Geral do texto

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

Publicado em 10 de Fevereiro de 2020

Já foi visto 75 vezes

Favorito de 0 leitor

Categoria Poesias


75
Leram
0
Vão ler

Tags

Textos Relacionados